busca
facebook twitter rss

Cangao curioso

  • Os cangaceiros usavam chinelas típicas de sertanejo. A de Lampião, porém, tinha um reforço especial, com intuito de corrigir uma lesão no pé sofrida durante tiroteio na região Lagoa de Vieira, Pernambuco, em 1924.
     
  • O integrantes do cangaço gostavam de enfeitar suas roupas e armas com moedas de prata, ilhoses brancos e flores estilizadas. Também usavam muitos anéis nos dedos e, no caso das mulheres, correntes de ouro com medalhões e medalhas.
     
  • Dadá, companheira de um dos fiéis seguidores de Lampião, Corisco, e a mulher mais valente do cangaço, foi quem introduziu muitos dos ornamentos usados na vestimenta, bornais (sacos para transporte de água e alimento) e luvas.
     
  • No chapéu, os cangaceiros costumavam pregar signos de Salomão, que nada mais são que estrelas de Davi.
     
  • No início, só haviam homens nos bandos de cangaceiros. As mulheres começaram a participar do movimento em 1930, ano em que Lampião conheceu e se apaixonou por Maria Bonita.
     
  • Os cangaceiros costumavam ter cachorros no bando. Eles serviam como vigias e ajudavam a divertir o grupo.
     
  • Lampião sofreu vários ferimentos ao longo de sua vida no cangaço. Em 1921, foi baleado nos ombros e na virilha. No ano seguinte, teve um ferimento na cabeça que quase lhe tirou a vida. Uma lesão no pé direito, em 1924, lhe acompanharia a vida inteira. Ele também perdeu o olho direito (1925) e foi atingido na omoplata (1926) e no quadril (1930).
     
  • O Rei do Cangaço e Maria Bonita tiveram apenas uma filha, Expedita, que nasceu em 1932.
     
  • Antes de ter seu próprio bando, Lampião e irmãos Antonio e Ezequiel fizeram parte do bando de Sebastião Pereira, ou Sinhô Pereira, como era conhecido.
livro indicado

Conhea este e outros livros da coleo!

botao conheca

livro indicado

Tem Lagartixa no Computador

186 páginas Editora Ática (Coleção...

livro indicado

Meu Outro Eu

88 páginas Editora Ática (Coleção...

facebook twitter rss

2005-2012 © Guia dos Curiosos Comunicaes

Todos os direitos reservados. - Nenhum texto pode ser reproduzido sem prvia autorizao.