busca
facebook twitter rss

10 curiosidades sobre o Acre

1. Até o início do século XX, o Acre pertencia à Bolívia, que disputava a posse da terra com o Peru. Em 1903, o Brasil pôs um fim na disputa: comprou a região por 2 milhões de libras esterlinas. No entanto, o Acre só foi oficialmente declarado um estado brasileiro em 1962.

2. Rio Branco foi criada a partir do núcleo Empresa, que tornou-se vila e sede do Departamento do Alto Acre.

3. Em 1909, seu nome de Alto Acre foi trocado para Penápolis, homenagem ao presidente Afonso Pena, e, em 1912, a cidade tornou-se Rio Branco, nome do diplomata que negociou o Tratado de Petrópolis, que incorporou o Acre ao Brasil.

4. Rio Branco transformou-se em cidade em 1913.

5. A expressão "à beça" (algo em grande quantidade), é atribuída à quantidade de argumentos utilizados pelo jurista sergipano Gumercindo Bessa, ao enfrentar Rui Barbosa na questão da independência do Território do Acre. O presidente Rodrigues Alves foi o primeiro a utilizá-la, admirado da eloqüência de um cidadão: "O senhor tem argumentos à Bessa". Com o tempo, a palavra perdeu a inicial maiúscula e as letras "s" foram substituídas pelo "ç".

6. Os seringueiros habitam as terras do Acre. Eles retiram da mata tudo do que precisam para sobreviver: madeira para a construção de casas, palha para os telhados, terra para o plantio de arroz, mandioca, milho e feijão. Sustentam-se com a venda da seringa e da castanha.

7. Em 1975, os seringueiros do Acre inventaram uma técnica para evitar o desmatamento da região. Trata-se do empate. Quando ficam sabendo que uma área será desmatada, os seringueiros se reúnem e se instalam no local com suas famílias, deixando armas de defesa escondidas. Eles pressionam os peões e exigem negociação com o responsável pelo desmatamento. O primeiro empate aconteceu na cidade de Cachoeira. Até 2012, nenhum deles tinha resultado em conflito violento.

8. O Acre foi o último estado do Brasil a ser efetivamente povoado. 

9. O povoado da Serra da Moa, na fronteira com o Peru, é o último no Brasil a ver o pôr-do-sol. Lá, há um fuso horário de duas horas a menos do que o horário de Brasília.

10. Em sua breve história, o Acre já ganhou alguns apelidos: Extremo do Brasil, Estado das Seringueiras, Estado do Látex e Extremo Oeste.

livro indicado

Conhea este e outros livros da coleo!

botao conheca

livro indicado

Deu a Louca no Tempo

136 páginas Editora Ática (Coleção...

livro indicado

O Livro dos Segundos Socorros

44 páginas Panda Books Lançamento: 2001 ISBN:...

facebook twitter rss

2005-2012 © Guia dos Curiosos Comunicaes

Todos os direitos reservados. - Nenhum texto pode ser reproduzido sem prvia autorizao.